As bússolas da vida

Nesse final de semana, participei da conclusão de mestrado em Reiki de alguns amigos. Tivemos um final de semana intenso, com muitas “fichas caindo”. Numa das meditações, foi abordado um trecho do livro “A bússola do Zen”, no qual fiquei pensando e tive as minhas conclusões.

Tenho passado por diversas situações, muitas delas desconfortantes e desagradáveis – como todos nós, acredito. Porém, a grande lição está em usar isso como uma bússola, que nos remete a uma direção diferente, para que esse mesmo desconforto ou desagrado, não volte a acontecer, nesse caminho.

Parece clichê, mas como todo o tropeço nos permite um aprendizado – já que muitas vezes “optamos” em aprender pela dor, ao invés de aprender pelo amor – essa analogia com a bússola é valiosa!

Experimente. Não dói, não é caro. Precisamos apenas sair da zona de conforto e encarar as nossas “feridas”. Só isso! Eu estou experimentando … com resultados positivos!

É como subir uma montanha com a mochila cheia de pedras: se tirar as pedras da mochila, a subida torna-se mais rápida, fácil e menos cansativa.

Aho!

Anúncios

~ por rmarques em setembro 14, 2011.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: